DIAGNÓTICO SOBRE A AGRICULTURA DE PRECISÃO NA REGIÃO SUL DO RIO GRANDE DO SUL

Retiele Vellar, Prof.ª Dr.ª Gizele Ingrid Gadotti, Prof.ª Dr.ª Maria Laura Gomes Silva da Luz

Resumo


A Zona Sul do Rio Grande do Sul tem suas bases socioeconômicas tradicionais no setor primário como a soja e o arroz, utiliza a eletrônica embarcada na sua atividade agrícola com o uso de máquinas, sensores, atuadores, softwares e sistemas de informações geográficas via satélites (GPS/GNSS), com o objetivo de monitorar a operação das máquinas, realizar o controle automático e registrar dados para análise posterior. Dessa forma podemos definir a Agricultura de Precisão (AP) como sendo uma filosofia de gerenciamento agrícola que busca uma maneira de gerir um campo produtivo metro a metro. Com o objetivo de identificar e diagnosticar a real situação da agricultura de Precisão na região Sul do Rio Grande do Sul, selecionamos aleatoriamente 38 produtores de um universo de 100 para realizarmos uma pesquisa de opinião com nível de segurança de 95% de confiança que possibilitou uma nova percepção sobre a Agricultura de Precisão na região em estudo. Das descobertas mais relevantes observadas foram o nível da assistência técnica nessa área e o desconhecimento do uso dos equipamentos com a tecnologia de AP.


Palavras-chave


taxa variável, novas tecnologias, agricultura

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15210/rbes.v2i2.9032