Experiência e construção de si: contribuições da pesquisa (auto)biográfica para a formação de professores

Vera Lúcia Chalegre de Freitas, Maria Helena Menna Barreto Abrahão

Resumo


Este artigo objetiva abordar o significado da palavra experiência em pesquisa (auto)biográfica, voltada à formação de professores, com base em leitura cruzada de textos de três autores. Partimos do pressuposto de que entender referências teóricas que sustentam o conceito de experiência é basilar para as contribuições quanto à formação da pessoa como construção de si mediante o autoconhecimento. Esse conceito foi por nós entendido no veio de pressupostos teórico-metodológicos da pesquisa (auto)biográfica, segundo leituras a respeito de experiência que têm eco na epistemologia de Larrosa, Delory-Momberger e Josso. Concluímos, tentando estabelecer um diálogo pela aproximação do pensamento desses três autores, que experiência na construção de si é produto/produtora da reflexão (auto)biográfica com foco na compreensão de sentido da existência singular-plural do sujeito histórico da educação”.

Palavras-chave


pesquisa (auto)biográfica; formação de professores; narrativas de formação; construção experiencial de si.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15210/caduc.v0i57.12821