Chamada de artigos Dossiê: Feminismos na América Latina: Movimentos Sociais, Estado e Partidos Políticos

A NORUS – Novos Rumos Sociológicos, revista acadêmica do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), convida pesquisadoras/es de Sociologia e áreas afins a enviarem artigos inéditos ao dossiê com o tema “Feminismos na América Latina: Movimentos Sociais, Estado e Partidos Políticos”, organizado por Simone da Silva Ribeiro Gomes, Professora Adjunta da UFPel, vinculada ao Programa de Pós-graduação em Sociologia (PPGS), Talita São Thiago Tanscheit e Marcia Rangel Candido, ambas doutorandas do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ).

Os protestos massivos de mulheres ao redor do mundo em contrariedade à ascensão de governos de direita e a pautas reacionárias têm sido caracterizados como uma nova onda do movimento feminista, que está no centro de um terreno em mutação na democracia contemporânea. Embora desde, pelo menos, 2010, analistas de movimentos sociais venham discutindo uma  ‘nova onda global de protestos’, o foco segue bastante orientado para o Norte global. Concomitantemente, por outro lado, pesquisadores lançam artigos e livros se perguntando “como as democracias morrem”, ou de que maneira as eleições têm consagrado políticos autoritários, desconsiderando “gênero” como uma categoria preponderante de análise. O objetivo deste dossiê é promover discussões que situem o feminismo e os estudos de gênero como assuntos incontornáveis nas pesquisas que buscam explicar os processos sociais e políticos contemporâneos na América Latina.  

A relevância dessa escolha temática é justificada por três motivos, que se cruzam entre si: no âmbito da política institucional, países latino-americanos vivenciam um revés da participação feminina em cargos executivos. Após um período de governos progressistas descrito como “onda rosa”, onde inúmeras presidências eram exercidas por mulheres, a América Latina elegeu políticos com discursos marcadamente misóginos e machistas. Do ponto de vista dos movimentos sociais, as mulheres protagonizaram levantes consideráveis e singulares, expressos em slogans como o Fora Cunha, o Ni Una Menos e o Quem mandou matar Marielle e Anderson, que superaram as fronteiras estritamente nacionais e conquistaram solidariedade transnacional. Por último, mas não menos importante, a produção de conhecimento especificamente ligada aos “estudos de gênero” tem enfrentado um desafio particular. Parte do anti-intelectualismo e dos valores conservadores difundidos pelas Novas Direitas constroem as pesquisadoras feministas como “inimigas” e ameaças à sociedade.

A presente proposta busca estimular análises rigorosas sobre os processos históricos e o ativismo feminista latino-americano nas ruas, em um contexto político notadamente adverso. Dessa forma, incentivamos a submissão de artigos com enfoque na América Latina, escritos em português, espanhol ou inglês, e que versem sobre:

(i) feminicídio;

(ii) institucionalização dos estudos de gênero e interseccionalidade;

(iii) histórias e trajetórias de movimentos sociais e ativistas feministas;

(iv) violência política e determinantes da sub-representação feminina em cargos públicos;

(v) tensão entre o movimento feminista, o Estado e os partidos políticos;

(vi) conceitos, teorias e ideologias políticas nas disputas pelo gênero;

(vii) expansão e diversificação dos movimentos feministas;

(viii) feminismo e teorias de gênero à direita e à esquerda no espectro político;

(ix) estratégias de mobilização e socialização feminista através de mídias digitais;

(x) inovações qualitativas, quantitativas ou de métodos mistos em pesquisas sobre movimentos feministas, ativismo e trânsito pelo Estado.

 

As contribuições devem seguir as diretrizes para autores da revista e podem ser feitas através do sistema SEER, no site do periódico.

Data limite de submissão: 21/06/2019

Previsão de publicação do dossiê: agosto de 2019.

Mais informações: revnorus@gmail.com