Etnia e gênero: Literatura canadense (sul-asiática) e a escrita crítico-criativa de Himani Bannerji

Rodrigo da Rosa Pereira, Rubelise da Cunha

Resumo


Este estudo apresenta a produção crítica e criativa de Himani Bannerji,
escritora canadense sul-asiática, situada duplamente na periferia da instituição literária – espaço que as escritas de autoria feminina e migrante de mulheres “não brancas” ocupam atualmente no Canadá. Bannerji é escritora de literatura, ensaísta e professora. O conjunto de sua produção retrata a dialética de uma luta coletiva, motivada pela sensibilidade das populações de imigrantes etnicamente discriminadas. As reflexões aqui desenvolvidas relacionam-se às questões pós-coloniais de etnia e gênero no contexto da literatura canadense contemporânea.


Palavras-chave


literatura canadense sul-asiática; escrita feminina migrante; pos-colonialismo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15210/interfaces.v13i1.7243

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN eletrônico: 1984-5677

ISSN impresso: 1519-0994