Disruptions experienced by family caregivers of people with mental disorders: prevalence and related characteristics / Rupturas vivenciadas por familiares cuidadores de pessoas com transtornos mentais: prevalência e características relacionadas Rupturas vividas por familiares cuidadores de personas con trastornos

Palavras-chave: Relatives, Caregivers, Mental health, Community mental health services.

Resumo

Objective: to identify the prevalence and characteristics of family caregivers of people with mental disorders who, based on their care history, experienced disruptions related to work, study, leisure, and interpersonal relationships. Method: a cross-sectional study was conducted with 537 family members of users of Psychosocial Care Centers in the 21st Health Region of the State of Rio Grande do Sul. Results: among the disruptions studied, the most prevalent related to leisure (38.7%), home visits by friends or family (34.3%) and work (33.9%). For disruptions in studies and romantic relationships, prevalence corresponded to 9.9% and 8.6% respectively. Among the characteristics related to these disruptions, there were lower education levels, lower income, and a greater degree of dependence of the assisted user. Conclusion: through this study, it was possible to deepen the investigations about some repercussions in the lives of family members of people with mental disorders. Devido a migração para o sistema OJS3, a íntegra desse artigo pode ser acessada pelo seguinte endereço eletrônico: Rupturas vivenciadas por familiares cuidadores de pessoas com transtornos mentais: prevalência e características relacionadas | Journal of Nursing and Health (ufpel.edu.br)

Biografia do Autor

Carlos Alberto dos Santos Treichel, Universidade Estadual de Campinas
Enfermeiro. Mestre em Enfermagem. Doutor em Saúde Coletiva da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Campinas, SP, Brasil.  Pós-doutorando do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da UNICAMP.
Leidy Janeth Erazo-Chavez, Universidade Federal do Maranhão
Psicologa.  Doutora em Saúde Coletiva da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Campinas, SP, Brasil.  Pós-doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).
Luciane Prado Kantorski, Universidade Federal de Pelotas
Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil.
Vanda Maria da Rosa Jardim, Universidade Federal de Pelotas
Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS, Brasil
Publicado
2022-12-31
Como Citar
1.
Treichel CA dos S, Erazo-Chavez LJ, Prado Kantorski L, da Rosa Jardim VM. Disruptions experienced by family caregivers of people with mental disorders: prevalence and related characteristics / Rupturas vivenciadas por familiares cuidadores de pessoas com transtornos mentais: prevalência e características relacionadas Rupturas vividas por familiares cuidadores de personas con trastornos. J. nurs. health. [Internet]. 31º de dezembro de 2022 [citado 26º de maio de 2024];12(3). Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/index.php/enfermagem/article/view/21974
Seção
Artigos Originais/ Original Articles