Perfil de profissionais e organização do trabalho em centrais de transplantes / Profile of professionals and organization of work in transplant centers

Palavras-chave: Obtenção de tecidos e órgãos, Transplantes, Papel do profissional de enfermagem

Resumo

Objetivo: identificar o perfil de profissionais e a organização do trabalho nas centrais nacional e estaduais de transplante. Método: pesquisa quantitativa, descritiva, realizada com 34 profissionais das centrais de transplantes. Realizou-se coleta de dados entre junho e setembro de 2020, por meio de questionário eletrônico. Os dados foram analisados pela estatística descritiva. Resultados: as equipes de transplantes são compostas principalmente por enfermeiros (73,5%), com tempo de formação entre 11 e 20 anos (41,2%) e atuação nas centrais entre cinco e 10 anos (44,1%). As atividades de gestão foram as mais citadas, seguida pelas de educação, e por fim atividades assistenciais. Conclusão: a partir deste estudo foi possível evidenciar quem são os profissionais atuantes nas Centrais de Transplantes. O enfermeiro destaca-se como integrante das equipes das centrais. A atuação do enfermeiro no processo de doação de órgãos é de extrema importância, visto que é o gestor do cuidado. Devido a migração para o sistema OJS3, a íntegra desse artigo pode ser acessada pelo seguinte endereço eletrônico: Perfil de profissionais e organização do trabalho em centrais de transplantes | Journal of Nursing and Health (ufpel.edu.br)

Biografia do Autor

Aline Lima Pestana Magalhães, Universidade Federal de Santa Catarina
Enfermeira, Doutora, Professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Florianópolis, Santa Catarina (SC). Brasil (BR). E-mail: aline.pestana@ufsc.br ORCID: 0000-0001-8564-7468
Rosane Lucilene dos Santos, Escola de Saúde Pública de Florianópolis
Enfermeira, Residente de enfermagem em Saúde da Família naEscola de Saúde Pública da Prefeitura Municipal de Florianópolis. Florianópolis, Santa Catarina (SC). Brasil (BR). E-mail: enf.rosanesantos@gmail.com ORCID: 0000-0001-5901-419X
Neide da Silva Knihs, Universidade Federal de Santa Catarina
Enfermeira, Doutora, Professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Florianópolis, Santa Catarina (SC). Brasil (BR). E-mail: neide.knihs@ufsc.br ORCID: 0000-0003-0639-2829
João Luis Erbs Pessoa, Central Estadual de transplantes de são paulo
Central Estadual de Transplantes de São Paulo. São Paulo, São Paulo (SP). Brasil (BR). E-mail: joaoerbs@gmail.com ORCID: 0000-0002-9266-102X
Laura Cavalcanti de Farias Brehmer, Universidade Federal de Santa Catarina Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Florianópolis, Santa Catarina (SC). Brasil (BR). E-mail: laura.brehmer@ufsc.br ORCID: 0000-0001-9965-8811
Enfermeira, Doutora, Professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina
Polianna Costa Bortolon Melo, Comissão Intra-Hospitalar de doação de órgãos e tecidos para transplantes Hospital Municial Djalma Marques e Hospital Universitário da UFMA
Enfermeira, Especialista em transplantes, Comissão Intra-Hospitalar de doação de órgãos e tecidos para transplantes Hospital Municial Djalma Marques eHospital Universitário da Univesidade Federal do Maranhão (UFMA). São Luiz, Maranhão (MA). E-mail: polianna.melo@huufma.br ORCID: 0000-0003-4376-4249
Publicado
2022-12-26
Como Citar
1.
Lima Pestana Magalhães A, dos Santos RL, da Silva Knihs N, Erbs Pessoa JL, Cavalcanti de Farias Brehmer L, Costa Bortolon Melo P. Perfil de profissionais e organização do trabalho em centrais de transplantes / Profile of professionals and organization of work in transplant centers. J. nurs. health. [Internet]. 26º de dezembro de 2022 [citado 25º de maio de 2024];12(3). Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/index.php/enfermagem/article/view/22043
Seção
Artigos Originais/ Original Articles