Nota sobre os conhecimentos do ‘o que é’ e do ‘por que’ no Livro II dos Segundos Analíticos de Aristóteles

Wellington Damasceno de Almeida

Resumo


Trata-se de examinar as dificuldades envolvidas na proposta aristotélica de identificar os conhecimentos do ‘o que é’ e do ‘por que’, a fim de melhor compreender os contornos que a delimitam. Proponho que as conexões pelas quais Aristóteles vincula definição e explicação, e, a partir daí, essência e causa, dependem da convertibilidade mútua entre expressões nominais e sentenças predicativas.


Palavras-chave


Aristóteles; definição; explicação; essência; causa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15210/dissertatio.v46i0.11750

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




________________________________________________________________________

DISSERTATIO Revista de Filosofia

Universidade Federal de Pelotas - UFPel | Instituto de Filosofia, Sociologia e Política

Departamento de Filosofia | Programa de Pós-Graduação em Filosofia

Caixa Postal 354 | CEP 96001-970 | Pelotas, RS | Brasil


FILOSOFIA/TEOLOGIA: subcomissão FILOSOFIA

Licença Creative Commons
Revista licenciada pela Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. Com esta licença os leitores podem copiar e compartilhar o conteúdo dos artigos em qualquer meio ou formato, desde que o autor seja devidamente citado.


Indexadores:

      

Diretórios:

    

Associações: