“AQUI NA LIDA É EU, A ESPOSA E OS CACHORROS”: TRABALHO FAMILIAR E SABERES PECUÁRIOS NOS CAMPOS DOBRADOS DO ALTO CAMAQUÃ.

Flavia Rieth, Daniel Vaz Lima, Vagner Barreto Rodrigues, Miriel Bilhalva Herrmann

Resumo


O presente artigo reflete etnograficamente sobre o trabalho de caráter familiar nos modos de fazer da pecuária extensiva, na região do Alto Camaquã, Serra do Sudeste, pampa Brasileiro, a partir das pesquisas realizadas no Inventário Nacional de Referências Culturais Lida Campeira (INRC Lida Campeira). O artigo está dividido em três seções. Na primeira parte, apresentamos a maneira como os diferentes ambientes do pampa configuram formas criativas de aprendizado para humanos e outros animais, com atenção para os campos dobrados, ou campos de pedra. Na segunda, demonstramos um modo de vida em relação, em que pensamos a questão da criação e do manejo, a partir da associação de humanos, animais, rio, mato, casa, pedra, campo. Na terceira parte, discutimos a presença histórica das populações tradicionais, pecuaristas familiares, lavradores na pampa e as contribuições desses saberes e fazeres, que aproximam Naturezas e Culturas na lida. Assim, o trabalho busca reconhecer os saberes tradicionais e suas implicações na lida campeira, desde a instalação da atividade pecuária no pampa.

Abstract

The present article ethnographically reflects on the family work in the way of handling extensive livestock farming, in the Alto Camaquã region, Hills of the Southeast, Brazilian pampa, based on the researches carried out in the National Inventory of Cultural References Lida Campeira (INRC Lida Campeira). The article is divided in three sections. In the first part, we present the way how different pampa environments set up creative forms of learning for humans and other animals, mainly focusing in the campos dobrados, or campos de pedra. In the second, we show a lifestyle in relation, in which we consider the raising and the handling, based on the association of humans, animals, river, bushes, house, stone, field. In the third part, we discuss the historical presence of the traditional populations, family cattle breeders, farm workers in the pampa and the contributions of this know-how and way of doing things, which bring Natures and Cultures closer in the duties. Thus, the work aims to acknowledge the traditional know-how and its implications in the lida campeira, since the beginning of the livestock farming activity in the pampa.

 


Palavras-chave


Inventário Nacional de Referências Culturais; Lida Campeira; Alto Camaquã; Populações tradicionais; Pampa.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15210/tes.v7i1.16297

 

TESSITURAS | Revista de Antropologia e Arqueologia

Programa de Pós-Graduação em Antropologia  | Universidade Federal de Pelotas

 

Indexadores: