A Gestão dos Resíduos Sólidos resultantes das atividades dos Bares e Restaurantes do Mercado Central de Pelotas/RS

Veridiana Lopes, Gisele Pereira, Andyara Barbosa

Resumo


Esse trabalho tem como foco o Mercado Central de Pelotas (RS), visto sua importância e atratividade. Devido ao grande público que frequenta os bares e restaurantes do Mercado Central, há a geração de resíduos sólidos, tais como, embalagens (papelão, plástico, pet, etc.), garrafas de vidros e resíduos orgânicos (sobras de alimentos), dentre outros. Assim, se faz pertinente compreender a destinação e a disposição final desses materiais resultantes do consumo de alimentos e bebidas. Logo,este estudo tem como objetivo geral investigar a destinação e a disposição final dos resíduos sólidos gerados pelos bares e restaurantes localizados na área externa do Mercado Central de Pelotas. A metodologia empregada neste trabalho caracteriza-se por ser quali-quantitativa. A coleta de informações deu-se através de revisão bibliográfica quanto à legislação ambiental federal e municipal, a fim de investigar as políticas públicas de incentivo à destinação e disposição adequadas dos resíduos sólidos. Também, foram aplicados questionários com os gestores dos bares e restaurantes localizados na parte externa do Mercado. Os resultados permitem concluir que muitos estabelecimentos ainda não se adequaram a questão da separação dos resíduos sólidos. Outro ponto a ser destacado é que, de acordo com a pesquisa realizada, não foram evidenciadas ações por parte do Município que articulem e incentivem a correta separação dos resíduos, entretanto constatou-se que o mesmo já possui seu próprio Plano Municipal de Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos, conforme prevê a Política Nacional de Resíduos Sólidos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15210/reat.v15i1.17423