Caracterização da utilização de cateteres venosos periféricos em unidade clínica de um hospital universitário / Characterization of the use of peripheral venous catheters in a clinical unit of university hospital

Natália de Oliveira Lima, Maria Olinda Ferreira de Sousa, Ellen Marcia Peres, Helena Ferraz Gomes, Bruna Maiara Ferreira Barreto Pires, Dayana Carvalho Leite, Clícia Vieira Cunha, Thaís Mayerhofer Kubota

Resumo


Objetivo: descrever características sociodemográficas e clínicas relacionadas ao uso dos cateteres venosos periféricos em pacientes de uma unidade clínica hospitalar. Método: descritivo, quantitativo, realizado em um Hospital Universitário do Estado do Rio de Janeiro, com 50 pacientes em uso de dispositivo intravenoso periférico, de maio a julho de 2018 e de julho a setembro de 2019. Utilizou-se um formulário sobre o perfil dos pacientes e o processo de cateterização venoso. A análise foi por estatística descritiva. Resultados: predomínio de idosas, com diagnóstico relacionado ao sistema imunológico. Ocorreram 148 punções, com média de 2,7 por paciente. O tempo de permanência variou de menos de 24 horas a sete dias. A remoção dos cateteres foi eletiva seguida de complicações, como obstrução e flebite. Conclusão: o cuidado de enfermagem relacionado à terapia intravenosa é um desafio na instituição, revelando a necessidade de investimentos em educação continuada e permanente.


Palavras-chave


Enfermagem; Cateterismo periférico; Cuidados de enfermagem; Hospitalização

Texto completo:

PDF HTML




Direitos autorais 2020 Universidade Federal de Pelotas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.