A EXPERIÊNCIA POÉTICA DE DANILO GIROLDO

Aimée Bolaños

Resumo


O presente artigo constitui uma leitura de viés hermenêutico do livro de poemas Vala (2019), de Danilo Giroldo. A análise está centrada tanto nos aspectos cosmovisivos como compositivos, com particular interesse nas categorias de metapoesia, metapoeta, enunciação metafórica e aberturas simbólicas. Inclui-se, ademais, um diálogo com o autor que aborda sua experiência criativa, motivações, destinários, dimensões sociais, de modo que também se faz presente a voz e visão do poeta. As conclusões contribuem ao conhecimento da literatura atual brasileira desde a perspectiva crítica de uma obra, evidenciando elementos distintivos de sua poética em uma complexa representação da temporalidade histórica e do tempo humano na poesia.

Palavras chave: Poesia brasileira; cosmovisão; metáfora; poética.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15210/cdl.v0i34.16956



Caderno de Letras integra a rede LATINOAMERICANA - Asociación de Revistas Literarias y Culturales 

__________________________________________________________________ 

A Caderno de Letras está indexada nas seguintes bases: