A PLATAFORMA DO GOOGLE CLASSROOM COMO INSTRUMENTO DIDÁTICO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DO ENSINO DE CIÊNCIAS SOB A PERSPECTIVA DO MÉTODO STEAM

  • Renata Lacerda Caldas Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Campos-Centro
  • Cassiana Barreto Hygino Machado Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Avançado São João da Barra
  • Marco Aurélio Machado dos Reis IFFluminense campus Campos-Centro
Palavras-chave: Capacitação de professores. Educação a distância. Ensino de Física.

Resumo

O trabalho apresenta a análise da experiência de professores com o Google Classroom e dos benefícios do Método STEAM na formação inicial e continuada na área de Ciências. Os dados deste trabalho fazem parte da realização de curso no âmbito do projeto de extensão intitulado “Capacitação de professores do ensino médio e fundamental na área de Ciências e Física”. Este prevê o desenvolvimento e aplicação de cursos/minicursos bem como a elaboração de materiais didáticos para a implementação nas atividades de capacitação ofertadas pelo Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (MNPEF) do IFFluminense Campus-Centro. O curso previsto na forma presencial foi, nesse período da pandemia de COVID-19, realizado na modalidade de Educação a distância (EaD). Todas as atividades tiveram o apoio da plataforma Google Classroom. Como forma de proporcionar diretrizes aos participantes do curso, foi elaborado um material complementar com instruções básicas de utilização da referida plataforma. Através deste trabalho foi possível identificar o Google Classroom como uma possibilidade eficiente e acessível para a promoção do curso proposto, bem como a visível contribuição na formação docente.

Biografia do Autor

Renata Lacerda Caldas, Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Campos-Centro
Professora Doutora - Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Campos-Centro - Rua Coronel Walter Kramer, 357 - Parque Santo Antônio - Campos dos Goytacazes, RJ - CEP 28080-565 - Brasil
Cassiana Barreto Hygino Machado, Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Avançado São João da Barra
Professora Doutora - Núcleo de Pesquisa em Física e Ensino de Ciências (NPFEC) do IFFluminense campus Avançado São João da Barra - BR 356 - KM 181 - Perigoso - São João da Barra/RJ CEP: 28200-000 - Brasil
Marco Aurélio Machado dos Reis, IFFluminense campus Campos-Centro
Graduando do Curso de Licenciatura em Ciências da Natureza: Ciências e Física, bolsista no projeto Capacitação de professores do ensino médio e fundamental na área de Ciências e Física - IFFluminense campus Campos-Centro - Rua Coronel Walter Kramer, 357 - Parque Santo Antônio - Campos dos Goytacazes, RJ - CEP 28080-565 - Brasil

Referências

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal; Edições 70, LDA, 2009. _______, Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei Nº 9.394 (n. 009394). Brasília, 1996. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/lei9394_ldbn1.pdf. Acesso em: 15 set. 2020.

FRIGOTTO, G. A interdisciplinaridade como necessidade e como problema nas

ciências sociais. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

LÜDKE, Menga; CRUZ, Giseli Barreto. Aproximando universidade e escola de educação básica pela pesquisa. Cadernos de Pesquisa, v. 35, n. 125, p. 81-109, maio/ago, 2005.

MOREIRA, M.A. O que é afinal Aprendizagem Significativa? Qurriculum, La

Laguna, Espanha, 2012. Disponível em: <http://moreira.if.ufrgs.br/oqueeafinal.pdf>

Acesso em 16 set. 2020.

SANTIAGO, Maria Francielle Câmara; SANTOS, Simone Cabral Marinho; SANTOS, Ivanildo (Orgs). Ciência na escola: fazendo, vivendo e experimentando. Ed. CRV. Curitiba – Brasil, 2015.

SCHIEHL, E. P.; GASPARINI, I. Contribuições do Google Sala de Aula para o Ensino Híbrido. Revista Novas Tecnologias na Educação, v. 14, n. 2, dez. 2016. DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.70684. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/renote/article/view/70684/40120. Acesso em: 12 set. 2020.

SELLES, S. E. Formação continuada e desenvolvimento

Profissional de professores de ciências: anotações de um projeto. Ens. Pesqui. Educ. Ciênc. (Belo Horizonte), Belo Horizonte, v. 2, n. 2, p. 167-181, Dec. 2000. Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-21172000000200167&lng=en&nrm=iso>. access on 16 Sept. 2020.

SILVA, I. O.; ROSAB, J. E. B.; HARDOIMC, E. L.; GUARIM NETO, G. Educação Científica empregando o método STEAM e um makerspace a partir de uma aula-passeio. Latin American Journal of Science Education, 4, 2017.

TORRES, A. A.; SILVA, M. L. R. O ambiente Moodle como apoio a educação a distância. In: SIMPÓSIO HIPERTEXTO E TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO, 2., 2008, Recife.

Publicado
2020-12-29
Como Citar
LACERDA CALDAS, R.; BARRETO HYGINO MACHADO, C.; MACHADO DOS REIS, M. A. A PLATAFORMA DO GOOGLE CLASSROOM COMO INSTRUMENTO DIDÁTICO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DO ENSINO DE CIÊNCIAS SOB A PERSPECTIVA DO MÉTODO STEAM. Expressa Extensão, v. 26, n. 1, p. 659-674, 29 dez. 2020.
Seção
Relatórios