RELATÓRIO DO MAPEAMENTO ARQUEOLÓGICO DE PELOTAS E REGIÃO (ATIVIDADES DESENVOLVIDAS ENTRE MARÇO DE 2002 E FEVEREIRO DE 2003)

Fábio Vergara Cerqueira, André Loureiro

Resumo


O projeto Mapeamento Arqueológico de Pelotas e Região édesenvolvido sob a coordenação do arqueólogo Prof. Dr. Fábio Vergara Cerqueira e sob a responsabilidade técnica do LEPAARQ. Conta com a cooperação do bolsista André Garcia Loureiro (BIC/FAPERGS 03/2003 – 02/200433), bem como do restante da equipe do laboratório, formada pelo funcionário técnico administrativo Jorge Oliveira Viana (Licenciado em História) e pelos seguintes estagiários: Aluisio Gomes Alves (UFPEL/História), Andréia Cristine Antunes Loureiro (UFPEL/História), Carla Inês Schwaickhardt (UFPEL/Geografia), Chimene Kuhn Nobre (Licenciada em História/UFPEL), Daniela Vieira Goularte (UFPEL/Arquitetura e Urbanismo), Jaqueline Silva Belletti (UFPEL/Centro Agrotecnico Visconde da Graça), Luciana da Silva Peixoto (UFPEL/História), Marilise Sanchotene de Aguiar (UFPEL/Arquitetura e Urbanismo), Otávio Marques Fontoura (UFPEL/História), Rafael Guedes Milheira (UFPEL/História), Welcsoner Silva da Cunha (UFPEL/História) e Vitório Antônio Cardoso Lima (UFPEL/História).

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, Marcos. “Arqueologia Histórica, Arquitetura e Restauração” In Clio - Série Arqueológica, nº 08, Recife: 1992, pg 131-151

BECKER, Ítala I. Basile. Os índios Charrua e Minuano da antiga banda oriental do Uruguai. São Leopoldo: editora Unisinos, 2002.

BINFORD, Lewis. Archaeology as anthropology. Nova York, American Antiquity, 1962.

BOADO, Felipe Criado. “Del Terreno al Espacio: planteamientos e perspectivas para la Arqueologia del Paisage.”, in: CAPA, Criterios e convenciones en Arqueologia del Paisage, nº 6, Santiago de Compostela: Universidade de Santiago de Compostela, 1999, 1-77.

BROCHADO, José Proenza. Pesquisas arqueológicas no escudo cristalino do Rio Grande do Sul (Serra do Sudeste). Publicações Avulsas Museu Paraense Emílio Goeldi. Belém, Pronapa, nº 26, 1974, p. 25-58.

CAZZETTA, Miriam. “Arqueologia e Planejamento Urbano”. Anais do 1º Congresso Latino-Americano sobre a Cultura Arquitetônica e Urbanística. Porto Alegre. pp. 190-196, 1991.

COPÉ, Sílvia M. “A ocupação pré-colonial do Sul e Sudeste do Rio Grande do Sul.”, in:

KERN, Arno Alvarez (org.). A Arqueologia Pré-histórica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1992, p. 191-220.

GASPAR, Madu. Sambaqui: arqueologia do litoral brasileiro. Rio de Janeiro: Jorge Zahar editora, 2000.

GUTIERREZ, Ester J. B. Negros, charqueadas e olarias: um estudo sobre o espaço pelotense. Pelotas: UFPEL, 1993.

Barro e sangue. Mão de obra, arquitetura e urbanismo em Pelotas (1777- 1888). Porto Alegre: PUCRS, 1999 (tese de doutorado). HOLZ, Michael. Do Mar ao Deserto: a evolução do Rio Grande do Sul no tempo geológico. Porto Alegre: UFRGS, 1999.

JACOBUS, André Luiz. “As Pesquisas em Arqueologia Histórica na Bacia do Prata”., Revista do CEPA, Santa Cruz do Sul, v. 22, pp. 33-62, 1998.

KERN, Arno Alvarez. “Origens da ocupação pré-histórica do Rio Grande do Sul na transição pleistoceno-holoceno.”, in: KERN, Arno Alvarez (org.). A Arqueologia Pré-histórica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1992, p. 89-102.

LAMIMG-EMPERAIRE, Annette. Guia para estudo das indústrias líticas da América do Sul. Manuais de Arqueologia. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 1967.

MAZZ, José López e PIZZORNO, Gabriel. Arqueología de las Tierras Bajas de la Cuenca de la Laguna Merín. Montevidéu: Uruciências, p. 1-14, 2002.

MEGGERS, Betty J. & EVANS, Clifford. Como interpretar a linguagem cerâmica: manual para arqueólogos. Washington: Smithsonian Institution, 1970.

NAUE, Guilherme. “Dados sobre o estudo de cerritos na área meridional da Lagoa dos Patos. Rio Grande / RS”, in: Veritas, Porto Alegre: PUCRS, 1973, p. 71-73.

OLIVEIRA, Júlio Cesar. O linho e a Real Feitoria do Rincão do Cangussú. Monografia de conclusão de Curso de História da UFPEL. Acervo do Nùcleo de Documentação Histórica da UFPEL. Pelotas, 1997 (mimeo).

PLOG, Stephen et alli. Decision Making in Modern Surveys, in: World Archeology, Nova York, 1978, p. 385 – 421.

PROUS, André. Arqueologia brasileira. Brasília: UNB, 1992.

REDMAN, Charles. Pesquisa de Campo em Múltiplos Estágios. in: American Antiquity, Nova York: 1978, N 1, p. 25-50.

RENFREW, Colin & BAHN, Paul. Arqueologia.Teoria, Método e Práctica. Madri: Editora Akal, 1993.

RIBEIRO, Pedro A. Mentz. Manual de Introdução à Arqueologia. Porto Alegre: Sulina, 1977.

. “Arqueologia da região de Rio Grande.”, in: ALVES, Francisco das Neves. (org.) Por uma história multidisciplinar do Rio Grande. Rio Grande: FURG, 1999, p.199-229.

ROSA, Mário. Geografia de Pelotas. Pelotas: UFPEL, 1985.

SANTOS, Carlos Alberto. Espelhos, máscaras e vitrines. Estudo iconológico de fachadas arquitetônicas. Pelotas, 1870-1930. Coleção História e Etnia, nº 4, Pelotas:Editora da Universidade Católica de Pelotas, 2002.

SANTOS, Maria do Carmo M. Monteiro. Levantamento Arqueológico na Avaliação de Impacto Ambiental, in: Revista do Cepa, Santa Cruz do Sul, n. 33, p. 7 – 36, 2001.

SCHIFFER, Michael B. et alli. The Design of Archeological Surveys, in: World Archeology, Nova York, 1980, p. 2 – 26.

SCHMITZ, Pedro Ignácio & BECKER, Ítala Irene Basile. “Aterros em áreas alagadiças no Sudeste do Rio Grande do Sul e Nordeste do Uruguai.”, in: Anais do Museu de Antropologia. Florianópolis, 1970, 3, p. 91-122. et. alli. “Prospecções arqueológicas no Vale do Camaquã / RS.”, in: Estudos de Pré-história Geral e Brasileira. São Paulo: Instituto de Pré-História da USP, 1969, p. 507-524.

Sítios de pesca lacustre em Rio Grande / RS / Brasil. Porto Alegre:

PUCRS, 1976 (Tese de Livre Docência).

SOARES, Leonor Almeida de Souza & VAROTO, Renato Luiz Mello. Lendo Pelotas. Pelotas: Universidade Federal de Pelotas, 1997.

SYMANSKI, Luis Claudio P. Espaço Privado e Vida Material em Porto Alegre no Século XIX. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1998. Coleção Arqueologia; 5.

THIESEN, Beatriz Valadão. Arqueologia de contrato: Metodologias de prospecção para áreas urbanas, in: Revista do CEPA, Santa Cruz do Sul, n. 33, p. 73 – 79, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.15210/lepaarq.v1i1.745

 
Contador de visitas