Até quando continuarão públicas as universidades públicas?

Marlene Ribeiro

Resumo


O artigo trata das mudanças impostas às universidades públicas que, de instituições sociais, podem se tornar organizações sociais, em decorrência das crises do modo capitalista de produção e do consequente esvaziamento do Estado com a adoção do neoliberalismo. Visa trazer informações, conhecimentos e pesquisas que permitam ampliar a compreensão do tema para subsidiar os debates gerados pelas novas exigências do CNPq e da CAPES para as universidades. Com isso, se obtém elementos para compreender as mudanças que atingem a organização e o funcionamento dessas universidades, permitindo captar o padrão que lhes é imposto e que redefine o trabalho docente. No final, formulam-se questões sobre as possibilidades e limites de intervenção nesse processo, o que comprova a relevância do estudo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15210/caduc.v0i51.6241